Orquestra Acadêmica Mozarteum Brasileiro mostra sua potência no encerramento do Música em Trancoso de 2019

 

Mais uma edição de sucesso! O Música em Trancoso encerrou sua oitava edição (sábado, 30 de março) com o concerto Música Sinfônica + Terra Brasilis. A protagonista do espetáculo foi a Orquestra Acadêmica Mozarteum Brasileiro, que mostrou toda sua potência sob regência de seu maestro titular, Carlos Moreno.

Na primeira parte, o programa teve solos do violinista romeno Lorenz Nasturica-Herschcowici, do violista russo Yuri Afonkin, do oboísta espanhol Lucas Navarro e do flautista holandês Herman van Kogelenberg. Em Terra Brasilis, na segunda parte, o repertório destacou os compositores brasileiros Heitor Villa-Lobos, César Guerra-Peixe e Carlos Gomes, com solos da soprano brasileira Angelica de la Riva e uma comovente participação de indígenas Pataxó. O espetáculo contou também com o Coro Mozarteum Brasileiro, que tem o professor Francisco Campos, da Universidade de São Paulo, como coordenador.

Além do sucesso da programação, o Música em Trancoso de 2019 comemora sua capacidade de estimular o desenvolvimento econômico da região, que também faz parte de seus objetivos. O êxito desta proposta pode ser medido em alguns números: nos oito dias do festival, somente a presença da equipe de produção e dos cerca de 300 músicos participantes na cidade, gerou 1.050 diárias de hospedagens em 13 diferentes pousadas, comercialização de 3.537 refeições e contratação de 129 transfers para transporte local.

Agora é marcar na agenda a edição de 2020 do Música em Trancoso: 14 a 21 de março.

Veja imagens do concerto Música Sinfônica + Terra Brasilis, que encerrou o Música em Trancoso de 2019.

(Fotos: Cauê Diniz, Daniel Crivelli, Ricardo Reis)

Voltar para Cultura Musical