A estreia da Orquestra Filarmônica de Luxemburgo, com Simone Lamsma como solista

Uma apresentação arrebatadora, que conquistou o público! Assim foi a estreia brasileira da Orquestra Filarmônica de Luxemburgo em 20 de setembro, na Sala São Paulo, sob regência do maestro Gustavo Gimeno e com a violinista Simone Lamsma como solista. Ovacionada, Simone Lamsma esbanjou virtuosismo e requinte artístico na interpretação do ‘Concerto para Violino’ de Tchaikovsky – e, para alegria geral, deu um bis tocando o 4º movimento da ‘Sonata nº 2 para Violino Solo’, de Eugène Ysaÿe. Diante de seus músicos, Gimeno proporcionou uma interpretação super especial da ‘Sinfonia do Novo Mundo’ de Dvořák, mostrando inclusive quão divinos são os instantes de silêncio que pontuam a música.

As apresentações em São Paulo da Orquestra Filarmônica de Luxemburgo sob regência de Gustavo Gimeno e com Simone Lamsma como solista, integram a Programação de 2019 do Mozarteum Brasileiro.

Foto: Cauê Diniz

Voltar para Cultura Musical