Depois de realizar um workshop de seis dias no Instituto Trancoso para alunos do NEOJIBA (Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia), o maestro da Orquestra Acadêmica Mozarteum Brasileiro – Carlos Moreno – regeu um concerto camerístico com os estudantes no domingo (30/07/2017), na Igrejinha do Quadrado. O programa incluiu músicas de Mozart e dos compositores brasileiros Heitor Villa-Lobos, César Guerra-Peixe e Ernani Aguiar. Foi um verdadeiro acontecimento.

O Instituto Trancoso, fundado em 2008, promove a educação de mais de 1.100 crianças e adolescentes de Trancoso, distrito do município de Porto Seguro, sul da Bahia. Os workshops ministrados por Carlos Moreno incluíram aulas de percepção musical, práticas de conjunto, música de câmara, abordagens técnicas sobre instrumentos de cordas, além de regência orquestral e abordagens pedagógicas no ensino coletivo de música para os coordenadores do projeto.

Para a Igreja de São João Batista, conhecida como Igrejinha do Quadrado, o concerto de encerramento do workshop marcou um momento muito especial. Esta basílica minúscula faz parte de um cenário privilegiado. Localizada na famosa Praça do Quadrado, centro da vila de Trancoso, a igreja tem à sua frente o povoado de casinhas coloridas que abrigam, na maioria, pousadas e restaurantes, e atrás o mirante que descortina as praias belíssimas e o mar majestoso. Sua fundação remonta aos séculos 17 e 18, quando os padres jusuítas faziam a evangelização da região desde os primórdios do descobrimento do Brasil.

Ao receber o concerto conduzido por Carlos Moreno, a Igrejinha do Quadrado tornou-se palco de um encontro singular entre músicos e os moradores da região, a maioria jovens e crianças.

Foi mais uma ação em prol da música na região, que tem contado com presença constante de Carlos Moreno e seus músicos nos acontecimentos musicais da cidade. Durante o festival Música em Trancoso, organizado pelo Mozarteum Brasileiro desde 2012, o maestro Carlos Moreno tem estado à frente de alguns dos principais concertos da programação do festival, além de apresentações na Praça do Bosque e de ações de educação musical nas escolas de Trancoso.

A presença do maestro da Orquestra Acadêmica Mozarteum Brasileiro em projetos de formação do Instituto Trancoso contribui para fortalecer o fomento cultural e estimular talentos nesta região brasileira.