Nelson Freire

Nelson Freire - Piano

Quando: 30 e 31 de agosto
Horário: 21h
Local: Sala São Paulo (São Paulo, SP)
Praça Julio Prestes, 16


Nelson Freire

Nascido em Boa Esperança, interior de Minas Gerais, Nelson Freire é hoje um artista universalmente aclamado. Recebeu honrarias e condecorações em diversos países e se apresenta regularmente com orquestras e regentes de primeira grandeza, em salas de concerto do mundo todo. Artista exclusivo da Decca, suas gravações regulares o levaram a explorar as obras musicais com visão mais profunda e força criativa inigualável.

De origem humilde, Nelson Freire mudou-se com a família para o Rio de Janeiro aos cinco anos de idade, quando seus pais, impressionados com o talento precoce do filho, decidiram partir em busca de condições mais adequadas de estudo da música, visando maior desenvolvimento. Sob orientação de duas professoras excepcionais, Nise Obino e Lúcia Branco, aos 14 anos Nelson Freire já era considerado um grande mestre do piano.

Aos 12 anos, finalista do primeiro Concurso Internacional de Piano do Rio de Janeiro, Freire recebeu uma bolsa de estudos do presidente Juscelino Kubitschek e foi para Viena estudar com Bruno Seidlhofer, professor de Friedrich Gulda. Aos 19 anos de idade, Nelson Freire recebeu a Medalha Dino Lipatti em Londres e mais tarde venceu o Concurso Internacional Vianna da Motta em Lisboa, o que lhe rendeu um contrato com a agência Conciertos Daniel, em Madri. A partir daí excursionou por praticamente toda a América do Sul e Espanha.

Aos 23 anos, estreando em Londres, causou sensação ao ser chamado de “o jovem leão do teclado” pelo jornal The Times. No ano seguinte, após estreia com a Filarmônica de Nova York, em Nova York, a revista Time o saudou como “um dos mais empolgantes pianistas desta ou de qualquer época”.

A partir daí e ao longo de cinco décadas, Nelson Freire tocou em mais de 70 países, tornando-se astro no mundo da música internacional. Suas gravações mereceram os prêmios Diapason d’Or, Grand Prix du Disque, Victoire d’Honneur, Edison Award, Gramophone Award, sendo que o CD Nelson Freire Brasileiro foi vencedor do Grammy Latino em 2013.

Nelson Freire recebeu as mais prestigiosas comendas: Cidadão do Rio, Cavaleiro da Ordem do Rio Branco, Medalha Pedro Ernesto, Cavaleiro da Legião de Honra da França, Comandante de Artes e Letras da França, Medalha da Cidade de Paris e da Cidade de Buenos Aires, além do título de doutor honoris causa da Faculdade de Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

O pianista tocou com muitos dos maiores maestros do mundo, como Valery Gergiev, Yuri Temirkanov, Seiji Ozawa, Pierre Boulez, Riccardo Chailly, Charles Dutoit, Eugen Jochum, André Previn, Lorin Maazel, Rudolf Kempe, Rafael Kubelik, David Zinman, Kurt Masur e Sir Colin Davis. Apresentou-se junto às mais célebres orquestras: Filarmônicas de Berlim, Londres, Nova York e Israel, Concertgebouw de Amsterdam, Gewandhaus de Leipzig, além das Orquestras de Munique, Paris, Tóquio e São Petersburgo (incluindo a Orquestra Mariinsky), Viena, Boston, Filadélfia, Cleveland, Los Angeles, Chicago e Montreal.

Muitos trechos de seus concertos podem ser vistos no aclamado documentário Nelson Freire, dirigido por João Moreira Salles (2003).
Nelson Freire é convidado regular do júri dos principais concursos internacionais de piano, como o Chopin, o Tchaikovsky e o Van Cliburn.

Fluente em vários idiomas, o pianista vive no Rio de Janeiro, cidade de sua predileção e para onde sempre retorna entre uma turnê e outra.

Nelson Freire é um artista Steinway
Nelson Freire é artista das gravadoras Audiofon, Sony Classical, London/Decca, Philips Classics, Teldec e Berlin Classics
Nelson Freire apresenta-se pela Columbia Artists Management LLC em parceria com a Standard Artists Management Co., Ltd.


Programa*

30 de Agosto 

Johann Sebastian Bach (1685-1750)
Ferrucio Busoni (1866 – 1924)
EU VOS INVOCO, SENHOR”, BWV639

Johann Sebastian Bach (1685-1750)
Ferrucio Busoni (1866 – 1924)
VEM, DEUS CRIADOR”, BWV667

Johann Sebastian Bach (1685-1750)
Myra Hess (1890 – 1965)
JESUS, ALEGRIA DOS HOMENS”, BWV147

Johannes Brahms (1833-1897)
SONATA OP. 5 EM FÁ MENOR
– Allegro maestoso
– Andante. Andante expressivo
– Scherzo. Allegro enérgico – Trio
– Intermezzo (Rückblick) Andante molto
– Finale. Allegro moderato ma rubato

***

Claude Debussy (1862-1918)
CHILDREN´S CORNER                   
– Doctor Gradus ad Parnassum
– Jimbo´s Lullaby
– Serenade for the Doll
– The Snow is Dancing
– The Little Shepherd
– Golliwog´s Cake Walk

Frédéric Chopin  (1810-1849)
BARCAROLLE, OP. 60

Frédéric Chopin (1810-1849)
SCHERZO Nº 1 EM SI MENOR, OP. 20


31 de Agosto 

Wolfgang Amadeus Mozart  (1756 – 1791)
SONATA EM LÁ MAIOR KV331
– Andante grazioso
– Menuetto
– Alla Turca

Ludwig van Beethoven (1770 – 1827)
SONATA PARA PIANO Nº 31 EM LÁ BEMOL MAIOR, OP. 110
– Moderato cantabile molto espressivo
– Scherzo: Alegro molto
– Adagio ma non troppo

***

Dmitri Shostakovich  (1906 – 1975)
TRÊS DANÇAS FANTÁSTICAS     
– March – Allegretto
– Waltz – Andantino
– Polka – Allegretto

Alexander Scriabin (1872 – 1915)
POEMA Nº 1 EM FÁ SUSTENIDO MAIOR, OP. 32

Frédéric Chopin (1810-1849)
SONATA EM SI MENOR, OP. 58
– Allegro maestoso
– Scherzo –  Molto vivace
– Largo
– Finale – Presto, ma non tanto

*Programa sujeito a alterações


Ingressos

ingresso-rapido-full

Telefone (também aos sábados)

Vendas pela Ingresso Rápido não possuem taxa de conveniência,
mas estão sujeitas a taxa de entrega.

www.ingressorapido.com.br


logo_mozarteum

Telefone: (11) 3815-6377  de segunda a sexta, das 9h às 18h:

Rua Pedroso Alvarenga, 58 – 3º andar – Itaim Bibi – São Paulo/SP

Programação 2016

Voltar